Simulado OAB


 Exame: OAB EXAME XXIX -
 Data da prova: 06-2019 -
 Questão na prova: 31 -
 Ramo: Direito Administrativo -
 Tema: Parcerias Público-privadas
 Organizadora: FGV
 Dificuldade: Relativamente Difícil
1O Município Alfa planeja estabelecer uma parceria público-privada para a construção e operação do metrô, cujo contrato terá vigência de trinta e cinco anos. Como a receita com a venda das passagens é inferior ao custo de implantação/operação do serviço, o ente local aportará recursos como complementação da remuneração do parceiro privado. Sobre a questão, assinale a afirmativa correta.
Como o parceiro privado será remunerado pela tarifa do serviço de transporte e por uma contrapartida do poder público, a concessão será celebrada na modalidade administrativa.
A contrapartida do parceiro público somente pode se dar em dinheiro, não sendo permitido qualquer outro mecanismo, a exemplo da outorga de direitos em face da Administração Pública.
A vigência do futuro contrato é adequada, mas, por se tratar de negócio com duração de trinta e cinco anos, não poderá haver prorrogação contratual.
Independentemente da proporção da contrapartida do parceiro público frente ao total da receita auferida pelo parceiro privado, não haverá necessidade de autorização legislativa específica.
 Exame: OAB EXAME XXXII -
 Data da prova: 06-2021 -
 Questão na prova: 29 -
 Ramo: Direito Administrativo -
 Tema: Parcerias Público-privadas
 Organizadora: FGV
 Dificuldade: Relativamente Difícil
2O Município Alfa pretende formalizar uma parceria público-privada para a realização de obras, instalação de postes e prestação de serviços de iluminação pública. A contraprestação da concessionária vencedora da licitação seria inteiramente custeada pela Administração Pública local, mediante ordem bancária e por outorga de direitos sobre bens públicos dominicais do município. Sobre essa situação hipotética, assinale a afirmativa correta.
A contratação almejada não é possível, porque o ordenamento não admite que a Administração arque com o custeio integral de parceria público-privada.
A outorga de direitos sobre bens públicos dominicais não é contraprestação admissível para a formalização da parceria.
O Município Alfa deveria utilizar-se de concessão administrativa para a formalização da contratação pretendida.
A natureza individual (uti singuli) do serviço em questão exige a cobrança de tarifa do usuário para a realização da parceria público-privada almejada.
 Exame: OAB EXAME XIX -
 Data da prova: 04-2016 -
 Questão na prova: 29 -
 Ramo: Direito Administrativo -
 Tema: Parcerias Público-privadas
 Organizadora: FGV
 Dificuldade: Relativamente Difícil
3A União divulgou edital de licitação para a contratação de parceria público-privada, para a reforma e gestão de um presídio federal, na modalidade concessão administrativa. A esse respeito, assinale a afirmativa correta.
A concessão administrativa envolve, adicionalmente à tarifa cobrada dos usuários, contraprestação pecuniária do parceiro público ao parceiro privado.
A contratação de parceria público-privada somente pode ser realizada para contratos com valor igual ou superior a R$ 10.000.000,00 (dez milhões de reais).
Considerando se tratar de concessão administrativa, o prazo máximo de vigência do contrato é de 20 anos.
Não é possível a contratação de parceria público-privada que envolva a execução de obra pública.
 Exame: OAB EXAME XXI -
 Data da prova: 11-2016 -
 Questão na prova: 30 -
 Ramo: Direito Administrativo -
 Tema: Parcerias Público-privadas
 Organizadora: FGV
 Dificuldade: Relativamente Difícil
4Uma autarquia federal divulgou edital de licitação para a concessão da exploração de uma rodovia que interliga diversos Estados da Federação. A exploração do serviço será precedida de obras de duplicação da rodovia. Como o fluxo esperado de veículos não é suficiente para garantir, por meio do pedágio, a amortização dos investimentos e a remuneração do concessionário, haverá, adicionalmente à cobrança do pedágio, contraprestação pecuniária por parte do Poder Público. Sobre a hipótese apresentada, assinale a afirmativa correta.
Trata-se de um exemplo de parceria público-privada, na modalidade concessão administrativa.
Trata-se de um consórcio público com personalidade de direito público entre a autarquia federal e a pessoa jurídica de direito privado.
Trata-se de um exemplo de parceria público-privada, na modalidade concessão patrocinada.
Trata-se de um exemplo de consórcio público com personalidade jurídica de direito privado.
 Exame: OAB EXAME XXIV -
 Data da prova: 11-2017 -
 Questão na prova: 32 -
 Ramo: Direito Administrativo -
 Tema: Parcerias Público-privadas
 Organizadora: FGV
 Dificuldade: Relativamente Difícil
5Um Estado da Federação lançou um grande programa de concessões como forma de fomentar investimentos, diante das dificuldades financeiras por que vem passando. Por meio desse programa, ele pretende executar obras de interesse da população e ceder espaços públicos para a gestão da iniciativa privada. Como parte desse programa, lançou edital para restaurar um complexo esportivo com estádio de futebol, ginásio de esportes, parque aquático e quadras poliesportivas. Diante da situação acima, assinale a afirmativa correta.
O Estado pode optar por celebrar uma parceria público-privada na modalidade de concessão patrocinada, desde que o contrato tenha valor igual ou superior a R$ 20.000.000,00 (vinte milhões de reais) e que as receitas decorrentes da exploração dos serviços não sejam suficientes para remunerar o particular.
A constituição de sociedade de propósito específico - SPE, sociedade empresária dotada de personalidade jurídica e incumbida de implantar e gerir o objeto da parceria, deve ocorrer após a celebração de um contrato de PPP.
O contrato deverá prever o pagamento de remuneração fixa vinculada ao desempenho do parceiro privado, segundo metas e padrões de qualidade e disponibilidade nele definidos.
A contraprestação do Estado deverá ser obrigatoriamente precedida da disponibilização do serviço que é objeto do contrato de parceria público-privada; dessa forma, não é possível o pagamento de contraprestação relativa à parcela fruível do serviço contratado.
0h 0m 0s
Curso de Síndico Profissional